Viagem ao sul 
São Francisco de Paula
São Francisco de Paula

Se viajarmos para Gramado passando pela cidade de Taquara, a 1 hora de Porto Alegre, e tomarmos a direção da serra,  em mais 1 hora de viagem passaremos, já na serra,  por uma pequena cidade chamada São Francisco de Paula.
A estrada entre Taquara e São Francisco sobe por várias curvas cheias de flores azuis - as hortênsias -e com muitos pinheiros nas encostas.
Chegando em São Francisco, passamos primeiramente pelo centro, formado por uma avenida  principal e algumas ruas perpendiculares ou paralelas. O canteiro central é urbanizado, com vários bancos e também esculturas. Uma delas é a de uma cuia de chimarrão, bebida típica dos gaúchos.
Descendo da rua principal, chegamos, na parte mais baixa da cidade, a um belo lago - o São Bernardo. Junto a ele há várias pousadas e um parque ecológico, além das residências de veraneio. O lago originou-se de um açude, construído na década de 1940, que posteriormente se ampliou. Após um período em que esteve poluído, foi revitalizado e urbanizado a partir de 1989, tornando-se uma atração turística para a cidade.
São oferecidos cavalos e triciclos para andar em volta do lago. É igualmente agradável uma boa caminhada em volta do lago como fizemos várias vezes.
É muito boml acordar com o canto dos pássaros nas muitas árvores em volta do lago. Na realidade ele fica num vale, com um santuário ecológico ao lado - na Serra do Mar, com a Mata Atlântica - ao redor. As pessoas costumam fazer piqueniques nas tardes, embaixo das árvores, sobre a grama que circula o belo lago.
São Francisco de Paula é o padroeiro da cidade, que, como não poderia deixar de ser, tem uma praça ampla em frente à igreja matriz, com uma escultura de São Francisco em frente.
No verão, o pôr-do-sol, no horário de verão, é após as 20h e assim os passeios se prolongam até mais tarde na orla do São Bernardo e mesmo nas primeiras horas da noite, sob as lâmpadas da iluminação pública.